tayana passos consultoria de relacionamento e bem-estar

Home | Empresa | Serviços | Mídia | Contato

     

 


A mentira no relacionamento conjugal

A mentira facilita o casal a não lidar com a realidade,
e com isso, afasta um cônjuge do outro.

Homens e mulheres têm tentado várias estratégias para terem casamentos bem sucedidos, tendo em vista que a taxa de divórcio tem aumentando nos últimos anos. Para que o casamento possa ser bem sucedido um dos princípios essenciais é ser leal com o parceiro, ou seja, ser aberto, franco e sincero. 

As mentiras no casamento podem estar associadas a assuntos diversos do cotidiano do casal, como problemas financeiros, conflitos familiares, dificuldades profissionais, vícios, relacionamentos extraconjugais e assim por diante. 

A possível conquista de vantagens, de prestígio ou o medo de precisar lidar com a verdade são as razões mais comuns que levam uma pessoa a mentir para seu parceiro. Muitas vezes ela pensa nos ganhos a curto prazo, e prefere não acreditar que a mentira pode ser descoberta futuramente e transformer a situação em algo mais dificil de ser superado. 

Para identificar se o parceiro está mentindo, é importante observar o comportamento dele no passado, pois este é o principal indicador para o aumento da probabilidade dele mentir novamente. Pessoas que já mentiram para ocultar situações delicadas já sabem como controlar suas emoções e estão familiarizadas com estes sentimentos, e portanto, torna-se mais fácil sustentar a mentira. 

Para tentar identificar se algo está fora do comum, é importante também converser com o parceiro olho no olho, e lhe perguntar se está acontecendo algo diferente. Quando a pessoa não tem o hábito de mentir e está mentindo pela primeira vez, ela pode ter dificuldade de manter contato visual. A intenção da conversa não é afrontar e julgar o parceiro, mas possibilitar um diálogo para o esclarecimento da situação, caso seja necessário. 

Cada pessoa tem suas características próprias, construídas a partir do que foi aprendido ao longo da vida. Desta forma, existem pessoas que sentem que tem mais direito do que as outras, elas acreditam que podem enganá-las, e avaliam que não precisam se comportar no jogo respeitando as regras. São pessoas que mentem dês de criança, porque acreditam pertencer a uma classe que está acima de todas as outras.

Quando uma pessoa sabe mentir de forma habilidosa sobre outros aspectos da vida, é possível que também seja boa em mentir para o parceiro. A Consultoria de Relacionamento & Bem-estar orienta casais que estejam passando por dificuldades de lidar com a verdade, e por isso utilizam a mentira para ocultar situações difíceis. 

Por Tayana Passos
Consultora de Relacionamento & Bem-Estar

 

Leia também outros artigos:

Voltar



 
(41) 3232-7097
(41) 9898-2021
tayana passos tayana passos